Pages Menu
Categories Menu

Posted on 27 Apr, 2016 in Patriarca, Slide, Viajar FT

O Patriarca Fouad Twal em Atlanta: “o governo americano não pode mais falhar na procura de uma solução”

O Patriarca Fouad Twal em Atlanta: “o governo americano não pode mais falhar na procura de uma solução”

ESTADOS-UNIDOS – 19 de Abril de 2016, a Cimeira de Atlanta das Igrejas dos Estados Unidos e da Terra Santa teve lugar no Centre Carter em Atlanta. A conferência intitulada “ Continuar a construção da paz e o reforço da presença“ foi coordenada pelo Comité superior dos Assuntos das Igrejas da Palestina”.

A Conferência abordou inúmeras questões relativas à situação do povo palestino, as dificuldades quotidianas a que têm de fazer face, nomeadamente os checkpoints israelitas que os impedem, entre outros, de ter acesso aos lugares santos.

No seu discurso, Sua Beatitude Fouad Twal, Patriarca Latino de Jerusalém, lançou um apelo “à luz desta tragédia e da injustiça quotidiana perpetrada contra os Palestinos, não deixeis que o governo dos Estados Unidos continue a falhar na procura de uma solução, mas que se torne um dos maiores defensores desta paz”. E acrescentou “um dos principais desafios é o de ficar de pé ao lado de todos aqueles que procuram uma solução para os problemas que suscitam a violência, os conflitos e a guerra como a construção de novos colonatos. Os líderes da Igreja devem ter a coragem de tomarem a palavra a favor da justiça e da liberdade tanto para os judeus como para os árabes. O Patriarca sublinhou igualmente a necessidade de levar a cabo este combate de uma forma coerente com a nossa identidade cristã”.

Um outro desafio que se põe à Igreja da terra Santa é o de fazer face ao êxodo dos seus fiéis: convencê-los a ficar e a construírem o seu futuro num país onde muitos deles se sentem marginalizados e ameaçados. “Este desafio obriga-nos a sermos o mais criativos e eficazes possível para trazer novas soluções para as questões da formação profissional, emprego ou alojamento”. O Patriarca acrescentou: “A Igreja deve fazer frutificar as energias de todos os homens e mulheres de boa vontade ao serviço da educação e do desenvolvimento espiritual, político e económico para a construção de uma cultura de paz e de respeito mútuo que garanta um futuro melhor para as nossas crianças”.

Numa região onde a construção de muros para separar uns dos outros é norma, a Igreja abre as suas portas a todos sem distinção de religião, de género ou de nacionalidade. “A nossa Igreja deve-se apoiar nas relações com a igreja Universal e nas organizações humanitárias e religiosas de todo o mundo para uma maior solidariedade e para elevar a sua voz para que todos os muros sejam destruídos. Todas as nossas instituições contribuem para construção de um terreno de encontro e diálogo para a criação de uma nova mentalidade e de uma nova geração de líderes para uma nova sociedade”.

Ao lado do Patriarca Twal, cinco outros dirigentes da Igreja da Terra Santa estiveram presentes nesta conferência: Sua Beatitude Theophilos III, Patriarca Ortodoxo de Jerusalém, o Padre Ibrahim Faltas, tesoureiro da Custódia Franciscana da Terra Santa, o Padre George Ayuoub, Chanceler do Patriarcado Latino, Mons. Noubib Younan, Bispo da Igreja Evangélica Luterana na Jordânia e na Terra Santa, Mons. Shueil Dawani, da Igreja Episcopal de Jerusalém e do Médio Oriente e o Padre Mitri Raheb director do Dar Annadwa College.

Saher Kawas

IMG_5766.jpgIMG_5791.jpgIMG_5794.jpgIMG_5798.jpgIMG_5800.jpgIMG_5811.jpgFullSizeRender.jpgIMG_5965.jpg